Vídeo: Goleiro Jean é preso nos EUA após ser acusado de agredir esposa

O goleiro Jean pertencente ao São Paulo e ex-jogador do Bahia foi preso nos Estados Unidos da América nesta quarta-feira (18) acusado de agredir a esposa. A ficha do atleta consta Departamento de Correções do Condado de Orange, na Florida. As informações são do G1 São Paulo.

Foto: Reprodução

No documento, consta que ele foi detido no período da manhã e foi pré-sentenciado por violência doméstica. O casal estava passando as férias em Orlando com as duas filhas e iriam retornar para o Brasil no dia 23 de dezembro. O São Paulo Futebol Clube estuda rescindir o contrato com o goleiro.

Nos vídeos nas publicados nas redes sociais, a esposa de Jean aparece com hematomas na boca e na região do olho direito e diz ter sido agredida pelo atleta.

Foto: Reprodução

“Eu tô aqui, em Orlando, e olha o que Jean acabou de fazer comigo. Alguém me ajude. Jean acabou de me bater. Gente, socorro”, diz ela nas imagens.


Problemas no atual clube

Em março, Jean chegou a ser afastado do restante do time depois de ter discutido com o então técnico do São Paulo, Vagner Mancini, em reunião da comissão técnica com todo o elenco. O goleiro usou as redes sociais para pedir desculpas aos torcedores, aos jogadores e ao clube, porém não deixou de expor chateação com Mancini.

Meses antes, em janeiro, o jogador discutiu com o companheiro Sidão., quando ambos brigavam por uma vaga como titular do time. Os dois iniciaram uma disputa pelas redes sociais com mensagens indiretas de um para o outro. O problema se iniciou após uma discussão em um treinamento, no CT da Barra Funda.

Em outro vídeo, Milena pede por justiça e é possível escutar uma voz masculina no fundo: “Jean, goleiro do São Paulo. Olha o que ele fez comigo. Eu quero justiça”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *