vídeos: Cão é morto após ataque de pitbull na frente da dona;

Um cão de pequeno porte foi atacado e morto na manhã desta quarta (22) na localidade conhecida como Maçonaria, em Palmeira dos Índios, cidade do agreste alagoano. O ataque foi registrado em vários vídeos.

Dezenas de pessoas acompanharam sem saber o que fazer o desespero da tutora do cão morto. A mulher chegou a desfalecer. Após o ataque, um jovem que seria dono do pitbull recolhe o animal e o leva embora nos braços.

A reportagem do Alagoas 24 horas entrou em contato com o 10º BPM para obter detalhes da ocorrência, mas a oficial de operações disse que iria tentar contatar a guarnição que foi ao local.

O dono do pitbul pode ser responder com base no artigo 936 do Código Civil, que prevê que o “O dono, ou detentor, do animal ressarcirá o dano por este causado, se não provar culpa da vítima ou força maior.”

O delegado Leonam Pinheiro, que apura crimes de maus-tratos a animais, disse que vai apurar as responsabilidades na morte de um cão de pequeno porte que foi atacado por um pitbull, na cidade de Palmeira dos Índios. As imagens chocantes do ataque viralizaram nas redes sociais e causaram revolta.

O delegado disse que o dono do pitbul pode ser penalizado e responder com base no artigo 936 do Código Civil. “Esse artigo prevê que o dono, ou detentor, do animal ressarcirá o dano por este causado, se não provar culpa da vítima ou força maior”, explicou.

O assunto repercutiu nas redes sociais. Muita gente questiona a ausência da focinheira no animal  e pede punição mais devera para tutores de animais de grande porte que negligenciem sua circulação nas ruas. “Mas é preciso falar também na necessidade de previsão legal de uma modalidade criminal de punição, para que fatos como esse não venham a se repetir”, disse Pinheiro em sua página no Instagram.

 

Por: Alagoas24horas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *